Não precisamos de ir longe para desfrutar de experiências únicas e diferenciadas! A diversidade é a tónica da Costa de Lisboa, com spots de sol e praia, atrações urbanas, cultura e atividades de lazer e desporto, sem esquecer a gastronomia, um dos pontos fortes destes quase 150 km de costa, onde a oferta de qualidade é deveras generosa! Aguce o apetite e planeie a sua estadia na Costa de Lisboa!

Conheça os 5 locais a não perder!

Sesimbra

Sesimbra traz consigo as praias, o peixe, o cheiro a maresia e a simpatia dos “pexitos”, como são conhecidos os locais. Localizada a 30 km de Lisboa e Setúbal, divide-se em três freguesias: Santiago, centro piscatório e balnear, Castelo, zona rural ligada à agricultura e Quinta do Conde, a zona mais urbana. É atualmente um dos principais pólos de atração do país, pela oferta daquele que é considerado um dos melhores peixes do mundo, mas também pelas suas praias de águas límpidas e pontos de interesse histórico e natural.

Aos mais destemidos recomendamos atividades como passeios pedestres por trilhos fantásticos, canoagem selvagem, mergulho ou passeios de barco para visitar as grutas.

Se prefere ter os pés bem assentes na terra pode visitar o Castelo de Sesimbra, a Fortaleza de Santiago, a Capela do Espírito Santo dos Mareantes, a Moagem de Sampaio, a Jazida de Icnofósseis da Pedreira do Avelino ou o Cabo Espichel.

Mas qualquer atividade requer alimento! Se falarmos em Sesimbra o primeiro pensamento é o peixe fresco. Dos pratos tradicionais salientam-se, a Caldeirada à Pescador, o Espadarte com Gambas ou o Arroz de Polvo. A vila tem uma oferta de casas de petiscos muito apreciável, onde mariscos e bivalves são realmente fantásticos. No que toca à doçaria é impossível não provar as Broas de Alfarim, as Brisas de Castelo, as Tamarinas entre muitas outras.

Cascais

Entre a serra de Sintra e o Oceano Atlântico, encontramos Cascais, antiga vila de pescadores, que com o passar dos anos tornou-se um dos destinos mais sofisticados de Lisboa. Tem a seu favor o clima ameno durante grande parte do ano fazendo com que seja o local ideal para um passeio em qualquer estação.

Mas Cascais é mais do que apenas praias. No centro histórico da vila podemos encontrar todos os ingredientes para nos sentirmos verdadeiramente de férias: saborear uma refeição de peixe fresco com vista para o mar, comer um delicioso gelado, passear de bicicleta, fazer surf e divertir-se nas noites quentes de verão nos bares da Marina.

Peniche

Um dos maiores portos de pesca tradicional de Portugal, Peniche oferece a quem visita uma experiência completa de gastronomia e cultura. O mar ainda é um dos principais pontos de interesse para quem visita Peniche, assim como as suas praias. Mas antes disso, deverá visitar o centro histórico: destacamos o Forte de Peniche onde durante o Estado Novo estiveram presas algumas das figuras mais importantes da resistência ao Regime.

Como é esperado, o mar predomina nas especialidades gastronómicas! Ir a Peniche não será o mesmo, sem provar a caldeirada, o arroz de marisco ou a sardinha assada no carvão. Aos mais gulosos recomendamos os doces de amêndoa.

Para uma experiência 360º, porque não fazer uma aula de surf? Se gosta mais de ficar em terra pode sempre assistir a uma prova do Campeonato Mundial de Surf ou atravessar a língua de areia até ao Baleal. 

Ericeira

Com uma atmosfera muito própria, a vila piscatória da Ericeira, com muita tradição ligada ao mar, desenvolveu-se muito durante o século XX, devido à crescente procura por uma estância de verão. A 50 km de Lisboa, as suas praias têm grande afluência no verão, consideradas das melhores a nível europeu para a prática de surf.

Destacamos a Praia de Ribeira d’Ilhas onde anualmente se realiza uma das provas do Campeonato Mundial de Surf ou a Praia do Peixe, conhecida por ser a praia por onde a família real portuguesa partiu para exílio em 1910.

De ruas estreitas e com um ambiente acolhedor, a Ericeira faz-nos sentir em casa, onde o espírito de férias se sente todo o ano. A gastronomia é um dos pontos altos desta região, repleta dos tradicionais sabores do mar: peixe fresco grelhado e marisco são os mais apreciados, em especial as lagostas criadas em viveiros de mar na Ericeira.

Costa da Caparica

De fácil acesso, a Costa da Caparica, tradicional vila piscatória, transformou-se na praia mais concorrida da região de Lisboa. Com 25 km de areal, oferece uma grande variedade de praias, das mais concorridas às mais desertas.

As condições estão todas reunidas para uma experiência recheada de atividades: surf, voleibol na praia, festivais gastronómicos, animação noturna e uma viagem no pitoresco comboio “Transpraia” que faz a ligação entre as praias da vila e a Fonte da Telha com várias paragens no percurso.

Como região piscatória, a grande especialidade a ser destacada são as caldeiras, a que é dedicado anualmente um festival gastronómico.

Não pode visitar, sem provar o claudino: um bolo de massa crocante em forma de charuto, com recheio de creme de pasteleiro, vendido na Pastelaria O Capote, que há 28 anos mantém a receita original.

 

Comece já a planear a sua próxima viagem!

Fique atento ao nosso blog para mais sugestões.

Safe travels!