Évora é o cenário ideal para uma experiência memorável numa cidade única. A escapadinha perfeita para uns dias numa cidade herdeira de um rico e variado património cultural, que permanece até aos dias de hoje como um livro aberto sobre a nossa história. Deixe-se levar pelos seus segredos e mistérios por entre as ruas medievais, pelos palácios, mosteiros, as igrejas e pelos irresistíveis sabores da cozinha tradicional.

Évora espera por si!

 

IMPERDÍVEL EM ÉVORA:

  • ONDE FICAR?
  • Conte com diversidade e qualidade para uma escapadinha inesquecível: conheça AQUI a nossa seleção de hotéis no Alentejo!
  • O QUE VER?
  • Templo Romano: É o ex-libris da cidade com cerca de 2000 anos, também conhecido como Templo de Diana. Um dos mais visíveis símbolos da ocupação romana na cidade.
  • Capela dos Ossos: Dentro da Igreja de São Francisco, a Capela dos Ossos foi construída no século XVII por iniciativa de frades franciscanos com o objetivo de transmitir uma mensagem de efemeridade humana como  o aviso à entrada: “ Nós ossos, aqui estamos, pelos vossos esperamos”. Uma visita indicada apenas para os mais “corajosos”.
  • Praça do Giraldo: Principal praça de Évora, reconhecida pelas arcadas, a Igreja de Santo Antão e o chafariz (estrutura de abastecimento de água à população ao longo dos séculos) 
  • Museus: Museu de Évora, Museu das Carruagens, Museu do Artesanato e Design, Museu Nacional Frei Manuel do Cenáculo, Museu do Relógio e Museu de Arte Sacra da Sé.
  • Palácios: Palácio de Dom Manuel I e Palácio Cadaval.
  • Igrejas: Igreja de São Francisco, Igreja da Graça e Igreja de Santo Antão
  • PERCURSOS ALTERNATIVOS 
  • Tour Megalítico: Visita aos monumentos megalíticos da região. Existem mais de dez recintos, um verdadeiro testemunho da pré-história no Alentejo.
  • Roteiro Eça de Queirós em Évora: Este percurso remete o visitante para os principais eventos e locais que Eça de Queirós viveu e frequentou e sobre os quais escreveu, há 150 anos, aquando da sua presença em Évora.
  • Roteiro “Aparição” de Virgílio Ferreira: Visita aos espaços e locais percorridos pelo sujeito poético nesta conhecida obra literária e até onde o próprio Vergílio Ferreira passou.
  • O QUE COMER?
  • A gastronomia regional alentejana é conhecida pela simplicidade dos produtos, mas pela explosão de sabor, ficam as dicas do que pode provar em variados restaurantes da cidade arredores: enchidos, sopas (toucinho, cação), ensopado de borrego, pezinhos de coentrada, migas com carne de porco, pão de ló, sericaia, trouxas de ovos, queijadas e bolos de mel. Para apreciadores de vinho, a oportunidade perfeita para casar uma belíssima refeição com as inúmeras referências da Região.

 

A VISITA A ÉVORA NÃO PODERIA FICAR COMPLETE SEM A SUA ESTADIA! CONHEÇA A NOSSA OFERTA DOS MELHORES HOTÉIS NA REGIÃO ALENTEJANA: 

 

Fontes: cm-evora.pt, visitevora.net, visitportugal.com